Home / Seguro Desemprego / Agendamento Seguro Desemprego: veja como fazer e onde Investir o Dinheiro!

Agendamento Seguro Desemprego: veja como fazer e onde Investir o Dinheiro!

Veja se você tem direito ao benefício e veja como é fácil fazer o agendamento seguro desemprego!

O seguro desemprego é um benefício muito importante para o trabalhador. Ele oferece auxílio em dinheiro durante um período determinado, no caso de desemprego. Ao ser demitido, o trabalhador pode solicitar o seguro, que poderá ser pago de três a cinco parcelas e com um valor calculado sob uma tabela. Vale lembrar que o seguro desemprego só pode ser solicitado por 3 vezes.

Tem direito ao benefício os trabalhadores que se encaixam nas seguintes situações:

agendamento seguro desemprego

  • Trabalhador formal e doméstico, demitido sem justa causa e também em caso de dispensa indireta;
  • trabalhador formal com contrato de trabalho suspenso no caso de curso ou programa de qualificação oferecido pela empresa ou empregador;
  • pescador profissional no período de defeso;
  • trabalhador que for resgatado de condições semelhantes ao trabalho escravo.

 

Condições para receber o Benefício

beneficio seguro desemprego

Para requerer o seu benefício, é necessário que o trabalhador se enquadre em algumas condições. Fique atento neste tópico, pois algumas informações mudaram recentemente Veja quais são as condições:

 

  • ter sido demitido sem justa causa;
  • estar desempregado no momento da solicitação;
  • ter recebido 18 salários nos últimos 24 meses por parte do empregador antes da dispensa (primeira solicitação);
  • para a segunda solicitação, são necessários 12 salários nos últimos 16 meses antes da demissão;
  • para a terceira solicitação, é preciso ter recebido 6 salários consecutivos e trabalhado 6 meses imediatamente antes dos últimos 36 meses da demissão;
  • não possuir renda própria para seu sustento no momento da solicitação;
  • não estar recebendo nenhum outro tipo de benefício de previdência (exceto auxílio-acidente ou pensão por morte).

Invista se seguro desemprego para alavancar sua carreira

Uma boa idéia para o uso do seu seguro desemprego é fazer um bom concurso público a garantir sua vida futura, como por exemplo o concurso prf. veja as vantagens da carreira pública:

Estabilidade – Não são raras as vezes em que ouvimos relatos de pessoas que, mesmo extremamente competentes, acabaram perdendo o emprego devido a algum fator (desde crises econômicas até desentendimentos pessoais) e tiveram dificuldade para se recolocar. No setor público, após três anos de efetivo exercício, você só deixará o seu cargo em casos muito específicos –  e a grande maioria desses casos envolve atitudes falhas do próprio servidor.

Salários Excelentes – A segunda vantagem é o salário inicial, muitas vezes mais elevado do que o pago pela grande maioria das empresas.  No âmbito federal, por exemplo, temos cargos de nível médio que ultrapassam os R$ 5.000,00, e diversas opções de cargos de nível superior com salários superiores a R$ 10.000,00.

Agendamento seguro desemprego – Locais e Documentação

O requerimento do Seguro desemprego pode ser feito nos Postos de Atendimento das Superintendências Regionais do Trabalho, no Sistema Nacional de Emprego e também em agências credenciadas da Caixa Econômica Federal.  Para solicitar o benefício é muito importante providenciar a documentação específica e comparecer a um desses locais. Veja abaixo a lista dos documentos necesários para o benefício:

  • Cartão do PIS-PASEP, extrato atualizado ou Cartão do Cidadão;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social CTPS;
  • Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho (TRCT) devidamente quitado;
  • Documentos de Identificação – carteira de identidade ou certidão de nascimento/ certidão de   casamento com o protocolo de requerimento da identidade (somente para recepção), carteira nacional de habilitação (modelo novo), carteira de trabalho (modelo novo), passaporte (com data de validade vigente) ou certificado de reservista;
  • 03 (três) últimos contracheques, dos 3 (três) meses anteriores ao mês de demissão;
  • Documento de levantamento dos depósitos do FGTS (CPFGTS) ou extrato comprobatório dos depósitos ou relatório da fiscalização ou documento judicial (Certidão das Comissões de Conciliação Prévia / Núcleos Intersindicais / Sentença / Certidão da Justiça);
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de escolaridade.

Valores do Seguro Desemprego

 

Como dito anteriormente, o valor do seguro desemprego não será o mesmo do seu salário recebido na empresa. O benefício é calculado de acordo com uma tabela e com o seu salário no momento da demissão. Os valores correspondentes são:

 

Salário até R$ 1.222,77: multiplica-se o salário por 0.8 (80% do valor)

Salário de R$ 1.222,78 até R$ 2.038,15:  O que exceder a 1.222,77 multiplica-se por 0.5 (50%)

e soma-se a 978,22.

Salário acima de R$ 2.038,15: a parcela será de R$ 1.385,91 invariavelmente.

 

O saque do Seguro Desemprego pode ser realizado nas agências da Caixa Econômica Federal credenciadas e nas casas Lotéricas, com o cartão cidadão.
Em caso de dúvidas acesse o site http://www.caixa.gov.br/

 

Recomendados para você:

About doutor sabetudo

Check Also

Nova lei do seguro desemprego

Nova Lei do Seguro Desemprego

Nova lei do seguro desemprego é apenas uma confusão de termos, mas algumas regras realmente ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *